Ciganos são denunciados e Polícia Militar faz buscas em acampamento

A operação teve início por volta das 06h e envolveu policiais de Muqui e Cachoeiro de Itapemirim.

Fotos: Ronaldo Índio Brasil
Icon

Vários ciganos foram surpreendidos por uma equipe de quase 20 policiais militares e um oficial de justiça na manhã desta sexta-feira (18) na cidade de Muqui. Eles atenderam uma determinação judicial a mando do juiz da comarca da cidade, Evandro Coelho de Lima. De acordo com o SGT da PM, Marcio Batista, que coordenou a operação, eles foram ao acampamento de ciganos, após a justiça acatar várias denúncias feitas ao Ministério Público de que no local havia armas, munições, drogas e vários veículos irregulares.

A operação teve início por volta das 06h, e todos os ciganos foram colocados em uma quadra poliesportiva para que o local fosse revistado. A operação envolveu policiais militares do município e de Cachoeiro de Itapemirim.

Apesar das denúncias, depois de três horas de operação nenhuma arma, drogas e munições foram encontradas, mas foi constatado um grande número de fios soltos em um poste, o que deixou claro que estava havendo furtos de energia elétrica. Foram aprendidos no local, uma moto Biz, um fusca e vários equipamentos eletrônicos. O líder do acampamento, Miguel Oliveira Sobrinho Mendes, de 65 anos, foi detido e encaminhado para a DPM de Muqui para prestar esclarecimentos dos fatos.

Icon

Icon

Icon

Icon

Icon

dalgreys skaliony - Enviado em 16/08/2013 16:42

Nara - Enviado em 11/02/2012 14:10

Delmiro - Enviado em 16/12/2011 22:54